Total de visualizações de página

11 de jul de 2011

Casas doidas


1 – MORAR EM UM OUTDOOR
Reciclagem de primeira: para quê jogar fora outdoors perfeitamente bons, se você pode reutilizá-los como um espaço para morar? Quantos outdoors você já viu por aí, que dariam um bom apartamento de um quarto? Se a ideia pegar…
2 – MORAR NUMA CASA AMBULANTE
A casa ambulante é um sistema modular de habitação que permite que pessoas tenham uma vida nômade pacífica, movendo-se lentamente através da paisagem urbana com um impacto mínimo no ambiente. A casa coleta energia de seus arredores, usando células solares e moinhos de vento de pequeno porte. Há também um sistema de recolha de água da chuva e um sistema solar para aquecer a água.
3 – MORAR EMBAIXO DA GRAMA
À primeira vista, o lugar parece totalmente impróprio para morar: com um penhasco rochoso ao norte, desprotegida, com o vento soprando frio, essa casa é o último lugar que você gostaria de morar. Seus proprietários não pensam da mesma forma. Surge, assim, um edifício incomum, angular, mas sóbrio, construído para mesclar perfeitamente com o ambiente ao redor. Localizado em Loredo, na costa norte da Espanha, de frente para o Mar Cantábrico (Golfo da Biscaia), a casa é um projeto de arquitetos que tem como principal característica a sua cobertura, que é nada além de grama.
4 – MORAR NUMA CAIXA D’ÁGUA
“A Torre”, uma casa de três níveis com 25 metros de altura, é uma réplica de uma caixa d’água histórica que foi reconstruída. O projeto arquitetônico é combinado com um designer interior diferente. Ela tem uma visão insuperável de 360 graus do Oceano Pacífico, do Porto Huntington e do rio San Gabriel.

Nenhum comentário: